EcoEnel coleta mais de 1,8 mil toneladas de materiais recicláveis

Hora News

Projeto da Enel completa 3 anos em Goiás com a marca de R$ 392 mil concedidos em bônus nas contas de energia elétrica de mais de 4,8 mil consumidores. Seguindo todas as medidas protetivas contra o coronavírus, os ecopontos fixos de Goiânia, Jandaia, Indiara, Buritinópolis e Posse já estão em funcionamento.

Desde que chegou em Goiás, em março de 2018, o programa Ecoenel coletou mais de 1,8 mil toneladas de materiais recicláveis no Estado. Com o sucesso do programa, que troca resíduos recicláveis por desconto na conta de energia, e a participação cada vez mais ativa da população, a iniciativa beneficiou mais de 4,8 mil consumidores da Enel Distribuição Goiás nesses três anos de atividade, o equivalente a cerca de R$ 392 mil em bônus nas contas de energia. 

Participante ativo do Ecoenel desde 2019, o microempresário Otaviano Rodrigues dos Santos Júnior é um dos clientes que todo mês obtém desconto na conta de energia e até já ganhou uma geladeira nova em um sorteio do projeto. Segundo ele, dois grandes motivos o incentivaram a acumular e trocar resíduos recicláveis por bônus na conta. “Economizo e ainda ajudo a natureza. O programa funciona mesmo, a equipe é muito atenciosa. É uma ajuda para diminuir o uso de matéria prima, ajudando a cidade, com menos lixo nas ruas. A natureza agradece”, afirma.

As mais de 1,8 mil toneladas de materiais reciclados pelo Ecoenel são equivalentes a uma economia superior a 8.390 MWh de energia, bastante para abastecer cerca de 51 mil residências por mês, o equivalente a uma cidade do porte de Formosa. Além do bônus na conta de energiao programa contribui para a preservação ambiental na medida em que garante a destinação correta de materiais recicláveis como papel, plástico e metal. Sem contar que cerca de 250 clientes conseguiram descontos iguais ou maiores que 50% em suas faturas”, comenta o responsável por Sustentabilidade da Enel Distribuição Goiás, Adriano Faria.

É o caso da Vila São José Bento Cottolengo, em Trindade, que já zerou quatro contas de energia e obteve desconto de mais de R$ 6 mil somente no ano passadocoordenador de mobilização de recursos da instituiçãoCarlos Toledo, conta que além dos bônus, a parceria com o Ecoenel ajudou na triagem de recicláveis que passaram a ser descartados com o oferecimento pela empresa de um sistema digitalizado de controle. Além de ajudar na preservação do meio ambiente, essa parceria com a Enel ajuda diretamente nossos 334 pacientes permanentes que moram na instituição, pois por meio do desconto em nossa conta de energia podemos investir na melhoria da qualidade de vida dessas pessoas”, comenta.

Avanços  

Ecoenel veio para Goiás em março de 2018 e, desde então, já apresentou uma série de novidades. Em abril de 2019 teve início o Ecoenel Itinerante, a versão móvel do programa, e no mesmo mês o posto de coleta localizado no Assai Atacadista, na Avenida Perimetral Norte, começou a receber resíduos eletrônicos. No ano passado, por conta da pandemia, os postos ficaram fechados por um tempo, mas também teve novidade, o sistema drive-thru, em que os clientes nem precisam descer de seus carros para deixar os resíduos; o início da parceria com construtoras para coleta de recicláveis da construção civil e o recolhimento de materiais em condomínios de Anápolis. 

Como participar   

Qualquer cliente, pessoa física ou jurídica, pode participar do programa. Para se cadastrar, basta ir a um ecoponto (confira a lista https://www.enel.com.br/pt-goias/Sustentabilidade/iniciativas/archive/ecoenel.html) com a conta de energia e definir o número da unidade consumidora que receberá os bônus. Em seguida, o cliente recebe o cartão do Ecoenel, que funciona como cadastro no programa. Depois disso, basta levar os resíduos previamente separados por tipo, como papel, latas e garrafas PET. Os resíduos são pesados e o valor em bônus é creditado na conta de energia. Cada resíduo tem seu valor em quilo, unidade ou litro. Caso o valor da bonificação seja superior ao total da conta, o excedente é creditado automaticamente na fatura seguinte.    

Os clientes podem acompanhar o impacto ambiental positivo do programa por meio do aplicativo Ecoenel – disponível nas plataformas Android e IOS -, que permite visualizar o histórico de coletas, os valores dos bônus, os ecopontos mais próximos e a tabela de preços dos resíduos recebidos em cada posto de coleta. 

Dentro da lógica da bonificação na conta de energia elétrica, os clientes também podem doar seus bônus para qualquer outra unidade consumidora, seja de pessoa física, empresa, instituição ou projetos sociais. Basta informar no momento do cadastro o número da unidade consumidora para a qual os bônus serão destinados.  

Reconhecimento  

Ecoenel é desenvolvido há 14 anos pela Enel no Ceará, Rio de Janeiro, São Paulo e Goiás. Desde o início do programa até o final de 2020, cerca de 77 mil toneladas de resíduos foram transformadas em aproximadamente 17 milhões de reais em bônus na conta de energia de 673 mil clientes.     

Por seus resultados, o Ecoenel já recebeu reconhecimentos nacionais e internacionais. Em 2015, foi eleito pelo PNUD Brasil como um dos mais importantes projetos alinhados aos princípios do Pacto Global, e como uma das melhores práticas de negócios inovadores e sustentáveis. Nesse mesmo ano, foi reconhecido pelo Ministério do Meio Ambiente como Prática de Referência de Educação Ambiental. 

Deixe uma resposta

Next Post

O Boticário inova com Malbec Bleu, versão refrescante do maior ícone da perfumaria masculina brasileira

Fragrância foi criada por Alberto Morillas, um dos mais célebres perfumistas do mundo

Subscribe US Now

%d blogueiros gostam disto: