Wagner Villela é o preferido para prefeito em Firminópolis

Hora News

Pesquisa do Instituto EPP aponta que ex-deputado tem mais do dobro dos votos do segundo colocado e também a menor taxa de rejeição dos prováveis candidatos

Hélmiton Prateado

O ex-deputado Wagner Villela é o potencial próximo prefeito de Firminópolis, se depender da declaração de votos dos eleitores do município consultados pelo instituto EPP Pesquisa. Wagner atualmente está sem partido, negociando com uma sigla que melhor abrigue ele e seus correligionários da cidade.

De acordo com o levantamento feito pelo instituto EPP, Wagner Villela tem 44,6% das intenções de voto quando a pergunta é feita estimulada com uma cartela contendo possíveis candidatos. Esse índice é mais que o dobro declarado para o segundo colocado, o ex-prefeito Leonardo de Oliveira Brito, que aparece com 21% da preferência.

Se na pesquisa estimulada Wagner Villela tem essa performance notável na espontânea é até melhor, com as declarações formais de voto sendo na casa de 16,7%, enquanto o mesmo Leonardo fica bem atrás com 7,2, ou seja mais do dobro das intenções. Nas duas formatações o ex-vereador José Airton fica em terceiro lugar nas intenções dos eleitores.

Wagner Villela é igualmente bem situado no quesito rejeição, em que os eleitores são perguntados sobre qual candidato não votariam de maneira alguma. O mais rejeitado é Jorge do Escritório, com 35% das declarações, seguido de José Airton com 5% de rejeição, Leonardo com 3,4 e Villela com apenas 1,1% de rejeição.

A consulta aos eleitores foi feita entre os dias 7 e 8 de fevereiro e ouviu 377 consultados. O município de Firminópolis tem 7.848 eleitores, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O instituto EPP Pesquisa foi a empresa de estatística eleitoral que mais comprovou acertos em suas previsões nas eleições de 2016. “Nossos pesquisadores conhecem cada município goiano e sabem como manter o contato com eleitores pesquisados visando atingir a maior margem de acerto e previsão nas eleições”, disse o diretor Paulo Rodrigues.

Deixe uma resposta

Next Post

"Pra quem eu vou pedir ajuda?"

A passagem de ônibus em Goiânia e região metropolitana está próximo de sofrer o seu reajuste anual. Após os cálculos da Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC) que apontou ser necessário um aumento de 4,6% no valor da tarifa, a Agência Goiana de Regulação (AGR) referendou o reajuste. Com o […]

Subscribe US Now

%d blogueiros gostam disto: