Anitta veste e apoia uso de estampas que imitam pele de animais

Hora News

O animal print virou tendência e promete conquistar de vez a moda brasileira. Não tenha medo de ousar e até combinar diferentes estampas diz consultora de imagens

Basta uma rápida volta no shopping para perceber que o animal print, a clássica estampa que imita pele de animais, é tendência. À primeira vista, esse tipo de estampa pode parecer ousado e até difícil de combinar. A consultora de imagem Wanessa Lopez garante que não.

A cantora Anitta é um exemplo de ousadia no uso de roupas com estampas de animal print. Ela tem “levantado a bandeira” para o não consumo de roupas produzidas a base de pele de animais e em seus últimos shows Anitta abusou com estampas animal print. 

Anitta tem seguido com sua resolução de ano-novo, quando aderiu ao estilo de vida vegano e quem adere ao veganismo não só deixa de comer alimentos que são propriamente animais, mas também deixa de consumir roupas, cremes, sapatos e qualquer outro produto de origem animal ou que os utilizem em sua cadeia de testes e produção.

“É inclusive um apelo que faço. Optem sempre por peles sintéticas e estamparias. Faz toda a diferença e sentido. Já que eu amo tanto aquele animal ao ponto de usar a pele dele sobre a minha, por que matá-lo?”, afirmou Anitta em entrevista para o UOL.

A empresária e consultora de imagem Wanessa Lopez esteve recentemente em Belo Horizonte (MG), para o lançamento da nova coleção de inverno 2020 da Caos. Ela conferiu de perto as tendências de peças animal print e garante que os looks vão além dos limites de fronteiras e agrega todos os povos, conectando o olhar com a natureza, liberdade, novos territórios e romantismo da juventude.

Dicas para usar animal print

De acordo com a empresária e consultora de imagem Wanessa Lopez, o animal print, e em especial a impala, zebra e  plumas, são as principais tendências. Essas estampas tipicamente invernais voltam às vitrines de diversas maneiras, para todos os gostos e estilos. Mesmo que apareçam com mais frequência na época do outono e inverno, nada impede que as estampas de bicho sejam usadas no verão também. Em tecidos mais leves e cores claras, funcionam melhor nas estações mais quentes.

Para a consultora de estilo, o animal print é um básico da moda, uma estampa que funciona em todos os modelos, e vai do casual ao glamour. Para as que preferem um visual mais clean, com poucas estampas e cores, a dica é inserir uma peça de bicho por vez. “Combinar a estampa com cores neutras, como o preto, o marrom ou o branco, ajuda a acostumar com a tendência”, complementa Wanessa. Outra opção é investir em acessórios, como sapatos, cintos ou bolsas, para dar um toque mais atual nos looks do dia a dia.

Quem já está mais habituada com estamparia e é fã assumida do animal print, pode apostar num look total selvagem da cabeça aos pés.

Deixe uma resposta

Next Post

Neurocirurgião do Hugo alerta sobre os perigos do “desafio da rasteira”

Uma nova brincadeira feita principalmente entre adolescentes no ambiente escolar está virando “febre” e preocupa pais, professores e profissionais de saúde pelos riscos de queda e até de morte. No “desafio da rasteira”, ou “quebra-crânio”, como a iniciativa tem sido chamada, duas pessoas pedem a uma terceira para dar um […]

Subscribe US Now

%d blogueiros gostam disto: