15 de agosto de 2020

Hora news

Seu site de notícias

Com quase meio século de existência, Cemitério Jardim das Palmeiras será revitalizado

O presidente da Fraternidade e Assistência de Menores Aprendizes (Fama), instituição que administra o cemitério, Manoel da Costa Lima, e o arquiteto Fernando Simon, lançam o projeto de revitalização do Cemitério Jardim das Palmeiras nesta terça-feira, 11, às 9h, na administração do cemitério. Eles apresentarão o novo Jardim das Palmeiras à imprensa e convidados durante um café da manhã, com maquete digital animada.

Fundado em 1971, esta será a maior reestruturação da história do cemitério, que ganhará nova fachada, salas de velório climatizadas, calçamento e jazigos recuperados. Será criado ainda um sistema padronizado de sinalização e a informatização da identificação e localização das quadras e jazigos. O resgate do conceito de cemitério parque aliado à modernização dos serviços e à humanização do atendimento são as principais diretrizes da revitalização do Jardim das Palmeiras, assinada pelo arquiteto Fernando Simon.

O projeto busca requalificar e renovar o cemitério como um todo. Um dos trabalhos será a reconstrução das passarelas internas que possibilitam o trânsito de pedestres entre os jazigos. O projeto também prevê a substituição das árvores antigas, plantadas na criação de cemitério, que estão com elevado risco de queda, comprometendo as edificações existentes, os jazigos e colocando em risco as pessoas que transitam pelo espaço. “Com 48 anos de história, o cemitério sofre com problemas como arborização inadequada, infiltrações nos jazigos e calçadas com placas soltas. O projeto de reestruturação resolve estes problemas e vai além, com a melhoria dos serviços e do atendimento ao público”, diz Manoel da Costa Lima.

A parte de jardinagem será toda refeita de forma apropriada, sem causar danos ao terreno, o que, em muitos casos, compromete a estrutura dos jazigos. A padronização vai requalificar todo o cemitério com vegetação e jardinagem adequadas. O trabalho também vai buscar alternativas de irrigação inteligente e automatizada dos jardins do cemitério no período de estiagem. Uma forma de manter a vegetação viva por mais tempo e com economia de água.

As obras preveem a restauração de toda a estrutura física. As capelas serão modernizadas e climatizadas, assim como o ambiente interno das salas de velório; uma área social mais confortável será construída para garantir o bem-estar de quem frequenta o local. A entrada do cemitério será toda reconstruída para proporcionar mais segurança aos visitantes, colaboradores e aos próprios jazigos.

Mais que reestruturar e readequar a área com as melhorias necessárias, o Cemitério Jardim das Palmeiras também tem a preocupação com o meio ambiente. O projeto também vai buscar alternativas de manejo na divisa da área do cemitério com o córrego Capim-Puba. Esse trabalho arquitetônico visa à atenção com o manancial, fazendo o manuseio adequado no que se refere aos cuidados com os jazigos, para não comprometer o curso d’água.

Fama

A Fama, Fraternidade e Assistência de Menores Aprendizes, é uma instituição de caráter social-filantrópico, mantida pela Loja Maçônica Liberdade e União. Além de administrar o Cemitério Jardim das Palmeiras, a Fama mantém instituições como o Colégio Gonçalves Ledo que atende a 280 crianças e adolescentes diretamente, além de beneficiar outros 1.295 indiretamente por meio de vários projetos sociais em educação, saúde, esporte e cultura.

%d blogueiros gostam disto: