HMAP leva oração aos pacientes e colaboradores no dia do enfermo

O Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (HMAP) realizou na tarde desta sexta-feira, 17, um Culto ecumênico para celebrar o dia do enfermo, comemorado anualmente no dia 14 de janeiro. A comemoração da data é uma forma de sensibilizar profissionais de saúde e população em geral para a necessidade de todos os tipos de cuidados especiais que as pessoas doentes, quer nos hospitais ou em casa, precisam receber.

Com orações, mensagens bíblicas e cânticos de louvor, a cerimônia foi marcada pela emoção de todos que estavam presentes. A fala dos religiosos buscou ressaltar, por meio da citação de passagens da bíblia, o amor que devemos ter pelo próximo e transmitir palavras de conforto para aqueles que passam por um momento de dificuldade.

Para o Frei Igor Rezende, representante católico, o culto gera uma abertura para evangelizar e trazer esperança. “É importante mostrar que Deus traz a cura, o amor e a libertação. O hospital é ambiente que acolhe pessoas que estão passando por momentos críticos da vida, e o culto na unidade de saúde proporciona que os pacientes recebam apoio e assistência por meio da palavra de Deus”, pontuou.

A emoção que estava estampada nos olhos marejados daqueles que acompanhavam a cerimônia. De acordo com a paciente Geizebel Oliveira Souza, que está internada há 20 dias, o culto foi uma benção. “No começo eu estava resistente e não queria descer para participar, mas quando começou me deu uma vontade de levantar da cama e vir. Fiquei muito tocada e emocionada ao ouvir a palava de Deus”, relatou com a voz embargada pelo choro.

Segundo a Assistente Social da HMAP, Vânia Crisley, o momento de oração traz paz e união para o hospital. “Foi maravilhoso, a palavra aqui foi profetizada fortalece os colaboradores e assim podemos ajudar ainda mais o paciente”, constatou.

Para a Diretora-geral do HMAP, Lilia Monteiro, este momento de espiritualidade possibilita atenuar o sofrimento de pacientes e acompanhantes. O Dia do Enfermo chama os profissionais de saúde, familiares e amigos dos usuários a redobrarem o carinho e o afeto. “Quando o colaborador recebe esse alimento na alma ele cuida melhor do seu paciente, pois transmite conforto para aqueles que necessitam. Proporcionar um atendimento humanizado é o diferencial do HMAP”, finalizou.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: