Festival Gastronômico da Estrada de Ferro ganha edição de Natal

Silvânia, na Região da Estrada de Ferro, já está mobilizada para o Festival Caturama – Edição de Natal, que começa nesta quarta-feira, 4, em Silvânia. Os pratos serão apresentados à imprensa a partir das 15 horas, na Casa do Papai Noel. O evento dá sequência ao Projeto Rotas Gastronômicas, realizado pela Goiás Turismo.

Os empresários locais vão ofertar um prato especial na temática do Natal até a chegada do Ano Novo. No cardápio estão receitas com nomes que remetem à temática da Região e às festas de Final de Ano, como o Trem de Natal, Taças de Mamãe Noel, Porqueta da Confraternização, Pastel de Festa, Guirlanda de Lombo Suíno e Locomotiva Bom Jesus. A curadoria é da Chef de Cozinha, Mariana Rodrigues.  

Casa do Papai Noel

Pelo terceiro ano consecutivo, a Casa do Papai Noel, em Silvânia,é aberta à comunidade e visitantes no período natalino. Na ultima edição mais de seis mil pessoas visitaram o local, que encanta crianças e adultos. Quarto, cozinha, banheiro e sala compõem a morada do bom velhinho, que recebe os visitantes para as fotos. 

Na temática “Confeitaria do Noel”, uma variedade de doces, além de outras iguarias, serão ofertadas. A promoção vem despertando interesse de outros municípios. A vizinha Gameleira também já tem sua Casa  do Papai Noel.  Segundo a coordenadora de Gastronomia da Goiás Turismo, Sonea Stival, dessa forma vai se construindo a Rota Natalina na Estrada de Ferro, um marco para o Turismo local.

Rotas Gastronômicas

O  Programa Rotas Gastronômicas, da Goiás Turismoreúne Sustentabilidade, Inclusão Social e Empreendedorismo. O objetivo é desenvolver aGastronomia nos municípios goianos por meio da criação de rotas gastronômicas regionais, onde os visitantes terão a oportunidade de conhecer o potencial culinário das 10 Regiões Turísticas do Estado, movimentando a economia goiana.

A regionalização é o foco e o grande diferencial do projeto. A partir dessa iniciativa inédita, os municípios terão apoio do Governo do Estado na identificação dos produtos e realização de festividades gastronômicas, atividades de roteirização e noções de economia para agregar valor ao produto existente na comunidade.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: