Mais 4 mil atendimentos em Acreúna e São Simão são feitos pela Alego Ativa

Foto: Maycon Cardoso

Com duas edições realizadas, uma em Acreúna e outra em São Simão, o Alego Ativa já soma mais de 4 mil atendimentos. Trata-se de um programa itinerante de assistência social que tem a finalidade de ampliar a representatividade da Assembleia Legislativa e o envolvimento dela com a sociedade. A Mesa Diretora desta 19ª Legislatura, presidida pelo deputado Lissauer Vieira (PSB), enxerga a política como uma ferramenta de fraternidade capaz de tornar melhor a vida das pessoas.

O Alego Ativa ocorre sempre no último sábado do mês, em algum município de diferentes regiões do estado; a próxima edição será dia 31 de agosto, em Luziânia, na Região do Entorno. No evento, são oferecidos à comunidade serviços nas áreas jurídica, de saúde e de capacitação profissional. São ofertadas, ainda, atividades culturais, de entretenimento e lazer para crianças e adultos.

Cursos de treinamento e qualificação também são oportunizados a agentes públicos locais. Este tipo de atividade já era oferecido a prefeitos, vereadores, assessores e técnicos por meio do Intercâmaras, um programa de apoio, desenvolvimento e integração da Assembleia com os municípios, idealizado e implementado na 16ª Legislatura, e teve continuidade no Alego Ativa.

Para Lissauer Vieira, o programa tem oportunizado que o Parlamento chegue mais próximo da comunidade, mostre a sua realidade e conheça as demandas das cidades. “O Alego Ativa é um projeto muito importante para toda a sociedade goiana e que tenho muito orgulho de conduzir, pois ele significa uma nova forma de empreender no Poder Público, com o objetivo de atender o povo de maneira ainda mais efetiva e transformar vidas nos municípios por onde passa”, afirmou. O presidente disse não ter dúvida de que com criatividade, espírito público e disposição para o trabalho é possível vencer os obstáculos e oferecer mais dignidade às pessoas.

Para o diretor de Assuntos Institucionais da Casa, o ex-deputado Simeyzon Silveira (PSD), responsável pela efetivação do Alego Ativa, a iniciativa tem tido êxito na sua finalidade de contribuir para tornar a política mais efetiva na vida das comunidades locais. “Por mais que a função do Poder Legislativo seja de legislar e produzir leis que melhorem o ambiente social para as pessoas viverem, temos também que usar a força institucional para concretizar ações sociais que impactam diretamente na vida delas. E acredito que estamos conseguindo”, frisou.

Parcerias

Todos os serviços oferecidos à população nessas duas edições (e nas que acontecerão ao longo dos próximos meses) são fruto de um acordo de cooperação técnica com diversas instituições públicas e privadas. A Mesa Diretora considera os custos do programa ínfimos porque, além dos colaboradores, utiliza pessoal e estrutura da Casa.

Para a realização do Alego Ativa, as seguintes instituições ofereceram atividades em pelo menos uma das duas edições: Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA- GO), Câmara Municipal de Acreúna, Câmara Municipal de São Simão, Defensoria Pública do Estado de Goiás (DPE-GO), Escola do Legislativo, Faculdade Sul-Americana (Fasam), Federação do Comércio do Estado de Goiás (Fecomércio), Fundação Banco de Olhos (Fubog) e Instituto de Identificação da Polícia Civil de Goiás.

E, ainda: Prefeitura de Acreúna e Prefeitura de São Simão, Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustetável (Semad), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Social da Indústria (Sesi), Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), União dos Vereadores do Estado de Goiás (Uvego) e Zeisa Hohl Dermatologie.

De acordo com o diretor da Escola do Legislativo, Teófilo Luiz, o programa será ampliado a cada edição, já que mais parcerias estão sendo firmadas. Na perspectiva do diretor, um projeto como o Alego Ativa muda a realidade da história do Legislativo, da atuação dele junto à sociedade. 3

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: